Restaurante Casa Glaura

Chegamos na pousada depois de ter visitado Mariana e estava chovendo. Ficamos com preguiça de sair para comer e comecei a pesquisar algum lugar bem perto e a 50m tinha um restaurante chamado Casa Glaura. Os comentários no Trip Advisor e no Google Maps era impressionantes e colocamos na lista. Acabou que a chuva parou e fomos no nosso café (Villa Koa). Deixamos para ir ao Restaurante Casa Glaura no almoço do dia seguinte. E que experiência, vou tentar descrever. As fotos são da Ana Luisa, nossa fotógrafa oficial de comidas da viagem de Ouro Preto (obrigada, Ana!!).

Chegamos lá e ficamos esperando um pouco até uma mesa sair e arrumarem para a gente. Pedimos de entrada o croquete de barriga de porco. Ele é crocante por fora e molinho por dentro. É uma delícia inexplicável. Vem com uma geleia e fica bom colocar limão e a geleia que acompanha (o cara que comentou que deveriam transformar esse croquete em prato principal pra comer um monte não estava exagerando… e digo mais, deveriam fazer uns congelados para comprarmos e poder comer sempre!!).

Os drinks tem um preço ok, então decidimos pedir também. Pedi um Gin & Tonica que estava bom, mas os outros drinks eram melhores. O uai tai é muito bom e o de tangerina também (não lembro o nome…). Eles demoraram um pouco pra chegar, mas tudo bem, o garçom nos pediu muitas desculpas.
Decidimos não pedir um prato principal para cada, porque em Minas geralmente as porções são generosas. Além disso, queríamos pedir mais croquete e sobremesa. Pedimos duas barrigas de porco com purê de cenoura e galinhada. Ah, está difícil escrever este post, quero voltar lá e comer!!! A galinhada era bem gostosa, com um tempero bom. Mas a barriga de porco… caraaaaa!! A carne era boa com a pele crocante, o purê era melhor do que qualquer purê de batata que já comi e até o repolho era bom! A combinação desses três ingredientes mais o molho era sensacional! Os comentários das pessoas não eram exagero. Quando acabamos de comer, pedimos mais uma barriga e mais uma porção de croquete (e queria pedir isso agora… haha… se eu morasse em Ouro Preto, iria lá toda semana).

Depois da comilança, pedimos a sobremesa, uma de cada: uma torta de cereja com sorvete de pimenta e um sorvete de paçoca com fondant (que era tipo um brownie na verdade). As duas eram muito boas também. Ah, a galera pediu café e falaram que estava bom. Eu pedi chai que é um chá preto com especiarias preparado pela chefe. Quando comentei que só faltava uma gota de leite, o garçom trouxe. Chai latte muito bom, se você também gosta, experimente!

Enfim, não adianta só ficar descrevendo as comidas aqui, vá para Ouro Preto e experimente essa comida deliciosa! Com certeza foi o melhor restaurante de Ouro Preto e um dos melhores da vida 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: