Salvador, 28 de outubro de 2017.

Olá!
Hoje acordei umas 8h. O café-da-manhã na pousada é servido das 8h às 10h, então em Salvador não vou poder acordar muito tarde, senão terei que sair para tomar café ou esperar para sair para almoçar.

O café é servido na varanda de frente para o mar. Não tem comidas nordestinas (tchau, cuscuz 😢😥) nem tanta variedade, mas tem pão com ovo e queijo, café, bolo e suco, então está ótimo.

Depois voltei pro quarto (e pro ar-condicionado, aqui tá bem calor) e fui colocar as contas em dia e pesquisar sobre Morro de São Paulo. Gastei toda a manhã fazendo isso. Lá por meio-dia e tanto, a gen de Aracaju me mandou um whats app dizendo que eles iriam à Casa de Jorge Amado, então aproveitei para ir com eles. Fui comer lá perto, num lugar chamado Boteco do Caranguejo. Era caro e não tinham muitas opções para uma pessoa (desvantagens de se viajar sozinha). Acabei pedindo uma batata suíça de carne seca com banana. É bem grande, nem consegui comer tudo. Depois, subi a ladeira para chegar à Casa do Rio Vermelho. Paga R$ 20,00 para entrar (meia R$ 10,00). Eles não quiseram pagar porque encontraram duas mulheres na porta que falaram que não valia a pena, então, mudamos nossos planos. Acho que vou lá na quarta se der tempo (é grátis) ou outro dia, porque um colega do MBA me falou que devo ir.

Fomos ao Rio Vermelho numa sorveteria chamada Mondo Gelato Artesanal. A Mili tinha me recomendado o sorvete de hibisco com amora. É uma gelateria e o preço é salgado, um copinho pequeno com dois sabores custa R$ 11,00, mas realmente é bem bom. Experimentei vários sabores e pedi o de pistache e o de castanha com goiabada, mas acho que meu preferido foi macadâmia com caramelo salgado.

Depois fomos ao MAM, onde tem jazz de sábado e um lindo pôr do sol. Paga R$ 8,00 para entrar, ou R$ 4,00 caso você pague meia entrada. Estão com um projeto de apresentar mulheres musicistas/instrumentistas, então ontem tinham 3 mulheres tocando acompanhadas de outros músicos. O show dura uma hora e lota, ficou uma galera de pé. Quando acabou, fomos embora, mas a galera fica lá, conversando e bebendo. Os gen me deixaram perto da pousada, então só tive que caminhar uns minutos, mas teve um musical com músicas de Milton Nascimento de graça. Passei por lá, porque era caminho, vi que tinham lugares e entrei. Fiquei no fundo e não dava para ver muito bem. Além disso, conheço poucas músicas dele, mas foi legal. E no final falaram que tinha sido a última apresentação do musical. Dei sorte.

Daí voltei para casa morta, tomei um bom banho e dormi.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: